Julho 2, 2022

FVO Site

Encontre as últimas notícias do mundo de todos os cantos do globo no site FVO, sua fonte online para cobertura de notícias internacionais.

Durante a transmissão ao vivo, o procurador-geral brasileiro quase espancou um colega

O procurador-geral da República Augusto Aras se envolveu em uma discussão com um colega durante uma sessão do Conselho Nacional do Ministério Público Federal na terça-feira.

Houve confusão entre os membros da comissão que não concordaram com os critérios adotados na pauta a ser colocada em votação. “Eu não aguento essa bagunça”, disse ele. Aras reclamou. “O nobre interveio quando seu colega estava falando. Se você quer o seu respeito, respeite-me também”, disse o procurador-adjunto Nicio de Freidas. “Meritíssimo não é respeitável”, respondeu o Sr. Aras.

Seguiu-se uma discussão, e o presidente do comitê rapidamente se levantou da cadeira e perguntou ao Sr. Foi para Friedas. Um guarda correu e o seguiu. A transmissão ao vivo da sessão foi então interrompida.

Senhor. Freidas já se posicionou criticamente contra seu chefe. Em 2020, Ele assinou uma carta Eles estavam acompanhados por outros três advogados adjuntos. Aras discordou do tratamento da carta pela Operação Lava Jato.

READ  Marcador de queda de Handebol-Noruega ao vencer a Coreia do Sul, Brasil R.O.C.