Julho 2, 2022

FVO Site

Encontre as últimas notícias do mundo de todos os cantos do globo no site FVO, sua fonte online para cobertura de notícias internacionais.

Cenbank do Brasil divulgará dados de currículo na próxima semana após greve

BRASÍLIA, 20 Abr (Reuters) – O Banco Central do Brasil disse nesta quarta-feira que retomará a divulgação de dados que foram suspensos devido a uma greve de seus funcionários, incluindo uma pesquisa semanal vista como crítica para a condução da política monetária.

A pesquisa semanal FOCUS do banco central compila dados de mais de 100 economistas privados para indicadores macroeconômicos, incluindo inflação e taxas de juros.

Foi divulgado pela última vez em 28 de março e voltará ao normal na próxima terça-feira, disse o banco central.

Registre-se agora para ter acesso GRATUITO e ilimitado ao Reuters.com

Funcionários do banco central suspenderam a divulgação da pesquisa e de vários outros indicadores em protesto contra as reivindicações salariais. A greve, no entanto, foi interrompida na terça-feira, depois que o governo sinalizou alguma disposição para conceder reajustes salariais. consulte Mais informação

Encarregado de um aperto monetário agressivo para conter a inflação de dois dígitos, o banco central brasileiro disse repetidamente que considerará a convergência das expectativas do mercado às metas oficiais de inflação em sua dosagem de política.

O monitoramento desses dados foi visto como crucial em um momento em que os preços ao consumidor continuam surpreendendo em alta, lançando dúvidas sobre até onde iria o ciclo de aperto. As taxas estão em 11,75%, de uma baixa recorde de 2% em março de 2021, e os formuladores de políticas disseram que um último aumento de 100 pontos base poderia encerrar o processo em maio.

O banco central disse que continua a ter acesso interno a essas informações, apesar de sua interrupção ao público em geral.

Reportagem de Marcela Ayres Edição de Alistair Bell

Nossos padrões: Os Princípios de Confiança da Thomson Reuters.