Maio 21, 2024

FVO Site

Encontre as últimas notícias do mundo de todos os cantos do globo no site FVO, sua fonte online para cobertura de notícias internacionais.

Bolsonaro é hospitalizado para fazer ‘testes de rotina’

Bolsonaro é hospitalizado para fazer ‘testes de rotina’

O ex-presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, foi hospitalizado na quarta-feira para “exames de rotina” relacionados a problemas de saúde decorrentes de um ataque com faca que quase o matou durante sua campanha de 2018, disse seu advogado.

Bolsonaro, 68 anos, deu entrada em um hospital privado em Vila Nova Star, São Paulo, onde o ex-capitão do Exército de extrema direita foi tratado anteriormente.

“O objetivo é avaliar seu estado de saúde, principalmente aparelho digestivo, intestino, aderências, hérnia estomacal e refluxo”, postou o advogado e aliado de Bolsonaro, Fabio Wajngarten, no X, anteriormente conhecido como Twitter.

O hospital não respondeu imediatamente ao pedido de mais informações da AFP.

Bolsonaro (2019-2022) teve vários problemas de saúde desde que foi esfaqueado no abdômen em um comício durante a campanha que o levou ao poder.

Anúncio – Role para continuar

Ele passou por quatro cirurgias após o ataque, que mais tarde foram realizadas por alguém considerado mentalmente incapaz de ser julgado.

O homem conhecido como “Trump Tropical” foi hospitalizado diversas vezes por vários problemas decorrentes do piercing, incluindo obstrução intestinal e soluços graves em 2021.

Bolsonaro, que foi sucedido pelo veterano esquerdista Luiz Inácio Lula da Silva em janeiro, enfrenta múltiplas investigações sobre corrupção e abuso de poder.

Anúncio – Role para continuar

Em junho, as autoridades eleitorais proibiram-no de concorrer a cargos públicos durante oito anos devido a alegações não comprovadas de fraude generalizada no sistema eleitoral brasileiro.

Em sua mais recente dor de cabeça jurídica, a polícia federal ordenou na terça-feira que ele e sua esposa, Michelle, fossem investigados em 31 de agosto, depois de terem recebido e tentado vender ilegalmente joias de luxo e outros itens caros como presentes oficiais de governos estrangeiros durante sua presidência.

READ  Documentário 'Rio, Negro' explora figuras históricas afro-brasileiras e o papel da Pequena África na construção do Brasil [FILM REVIEW]

msi/jhb/tjj