Maio 21, 2024

FVO Site

Encontre as últimas notícias do mundo de todos os cantos do globo no site FVO, sua fonte online para cobertura de notícias internacionais.

TIM Brasil implanta banco de dados de usuários nativos da nuvem 5G da Ericsson em rede ativa

TIM Brasil implanta banco de dados de usuários nativos da nuvem 5G da Ericsson em rede ativa

A Ericsson e a TIM Brasil, provedora líder de serviços de comunicações (CSP) no Brasil, implementaram com sucesso uma rede ativa de bancos de dados de usuários nativos da nuvem em sua rede principal 5G, alimentada pelo Red Hat OpenShift, um aplicativo de nuvem híbrida. plataforma. Esta iniciativa define um passo fundamental na evolução do 5G da TIM, abrindo caminho para um novo padrão de eficiência operacional e agilidade de serviços no setor de telecomunicações.

A TIM Brasil, seguindo seu histórico de liderança em inovação, trabalhou com a Ericsson para implementar operações de camada de dados 5G de modo duplo nativas da nuvem, permitindo ‘atualização de software em serviço’ (ISSU) e ‘atualização contínua de contêineres como serviço’. Operações no Red Hat OpenShift Cloud Environment (CaaS RU).

A integração dessas capacidades trará diversos benefícios e vantagens competitivas para a TIM Brasil:

Lançamento rápido no mercado para introdução de novos serviços, rede instalada e funcionando em todas as plataformas sem qualquer interrupção do serviço.

Redução do lead time para atualizações de software com procedimentos ágeis e automatizados, evitando intervenções manuais para implantação, operação e manutenção.

Maior eficiência operacional devido à melhor utilização de hardware e alocação instantânea de recursos de cargas de trabalho que se adaptam aos requisitos flutuantes dos aplicativos em tempo real.

Melhor experiência do cliente com tempo de inatividade reduzido para atualizações de serviços e software.

Oportunidade de otimização adicional para melhorar a integração contínua, a implantação contínua (CI/CD) e a automação de testes para reduzir intervenções manuais.

Marco Di Costanzo, CTO TIM Brasil

Estamos entusiasmados por fornecer estas novas capacidades em parceria com a Ericsson, pois representam um avanço significativo no nosso roteiro 5G nativo da nuvem, melhorando a experiência do cliente e melhorando a eficiência operacional. É um marco que abre caminho para futuras inovações na indústria de telecomunicações.

READ  Rosen, Lead Investor Advisor, Atlas Lithium Corporation f/k/a Brazil Minerals, Inc. Incentivo aos investidores. Prazo de 1º de agosto crítico para proteger investidores perdedores Security Advisor - ATLX, BMIX - Atlas Lithium (NASDAQ)

Andrea Faustino, chefe de software e serviços em nuvem da Ericsson,

Na Ericsson, estamos sempre ultrapassando os limites do 5G nativo da nuvem. É por isso que estamos entusiasmados com a parceria com a TIM para trazer recursos de próxima geração para sua rede. Esta colaboração não é apenas técnica; Trata-se de capacitar os usuários com velocidades extremamente rápidas, conectividade contínua e aplicativos inovadores que transformarão a maneira como vivemos, trabalhamos e nos conectamos. Juntos, estamos escrevendo o próximo capítulo do 5G, uma história para assistir.

Honoré LaBourdette, atual vice-presidente sênior de telecomunicações globais e vice-presidente de ambiente de parceiros de telecomunicações da Red Hat

Estamos entusiasmados em colaborar com a Ericsson e a TIM para perceber os benefícios de uma abordagem nativa da nuvem – maior flexibilidade, agilidade e velocidade de lançamento no mercado. A estreita colaboração da Red Hat com a Ericsson permite fornecer soluções testadas e validadas para 5G e, ao aproveitar o Red Hat OpenShift como sua plataforma unificada, a TIM está bem posicionada para oferecer experiências altamente diferenciadas e atraentes aos clientes.