Maio 22, 2024

FVO Site

Encontre as últimas notícias do mundo de todos os cantos do globo no site FVO, sua fonte online para cobertura de notícias internacionais.

Lula diz que Putin não será preso na reunião do G20 no Brasil em 2024

Lula diz que Putin não será preso na reunião do G20 no Brasil em 2024

9 Set (Reuters) – O presidente brasileiro, Luiz Inácio Lula da Silva, disse neste sábado que o presidente russo, Vladimir Putin, não seria preso no Brasil se participasse da reunião do Grupo dos 20 do próximo ano, no Rio de Janeiro.

Entrevistado pelo programa de notícias First Post à margem da reunião do G20 em Delhi, Lula disse que Putin seria convidado para o evento do próximo ano, acrescentando que planeja participar da reunião do BRICS de países em desenvolvimento na Rússia antes da reunião do Rio.

Lula disse acreditar que Putin poderia facilmente viajar ao Brasil. “O que posso dizer é que se eu fosse o presidente do Brasil, se ele viesse ao Brasil, não seria preso.”

Em Março, o Tribunal Penal Internacional emitiu um mandado de detenção contra Putin por crimes de guerra devido à deportação ilegal de centenas de crianças da Ucrânia. A Rússia negou que as suas forças tenham cometido crimes de guerra ou raptado à força crianças ucranianas.

Putin faltou repetidamente às reuniões internacionais e não compareceu à reunião do G20 em Deli, enviando o ministro dos Negócios Estrangeiros, Sergey Lavrov.

O Brasil é signatário do Estatuto de Roma, que levou à criação do TPI. O gabinete de Lula não respondeu imediatamente a um pedido de comentário.

No sábado, as nações do G20 adotaram uma declaração de consenso que se absteve de condenar a Rússia pela guerra na Ucrânia, mas apelou a todos os estados para não usarem a força para tomar território.

READ  Supremo Tribunal Federal anula acusações de corrupção na lavagem de carros

Relatório de Gabriel Stargarder; Edição de Richard Chang

Nossos padrões: Princípios de confiança da Thomson Reuters.

Obtenha direitos de licençaAbre uma nova aba