Agosto 16, 2022

FVO Site

Encontre as últimas notícias do mundo de todos os cantos do globo no site FVO, sua fonte online para cobertura de notícias internacionais.

Itaú Unibanco oferece serviços de criptografia, abre divisão de tokenização no Brasil – Notícias Bitcoin News

O Itaú Unibanco, uma das maiores holdings do Brasil, anunciou que está considerando oferecer serviços de negociação de criptomoedas a seus clientes. A empresa disse que oferecerá serviços de tokenização por meio de sua unidade de ativos digitais, permitindo que os clientes emitam tokens lastreados em ativos do mundo real que servirão como plataforma para facilitar suas negociações.

Itaú Unibanco adiciona tokenização aos seus serviços

As instituições financeiras estão começando a diversificar suas ofertas para incluir serviços relacionados a blockchain e criptomoedas. O Itaú Unibanco, uma importante empresa de ações e serviços financeiros no Brasil, anunciou que começará a oferecer serviços de tokenização para seus clientes. Para isso, a empresa criará uma unidade totalmente nova em sua estrutura, chamada Itaú Digital Assets, que fornecerá recursos de tokenização e atuará como intermediária entre as empresas que desejam levar seus ativos ao blockchain e ao mercado. A empresa usará uma plataforma chamada Hyperledger Besu para fins de tokenização, e os tokens gerados serão negociados apenas dentro da bolsa da empresa.

De acordo com o local relatórios, a empresa já fez testes de tokenização, emitindo tokens para alguns clientes particulares e funcionários do banco, embora nenhum relatório oficial tenha sido feito sobre esse teste. Vanessa Fernandez, executiva sênior da empresa, liderará a nova iniciativa como chefe da divisão de ativos digitais.


Os serviços de negociação de criptomoedas são considerados

Embora o foco da nova unidade seja trazer serviços de tokenização para seus clientes, Fernandez acredita que a empresa poderá oferecer mais do que isso no futuro. O executivo comentou que a empresa está considerando oferecer serviços de negociação de criptomoedas aos clientes no futuro, mas não forneceu mais detalhes.

READ  Soja sobe no Brasil devido ao clima seco

O Itaú é a mais recente de uma série de empresas brasileiras que buscam oportunidades no mercado de criptomoedas. Recentemente, a Picpay, uma das mais populares empresas de carteira digital e pagamento, anunciou que começará a oferecer serviços de negociação e pagamento de criptomoedas em agosto. Na mesma linha, outro banco digital brasileiro, o Nubank, lançou serviços de negociação semelhantes em maio.

O banco central do Brasil anunciou que está experimentando sua própria moeda este ano – a moeda digital do Banco Central (CBDC). A regulamentação de criptoativos também está avançando, com o Senado brasileiro aprovando um projeto de lei de criptomoedas a ser debatido pela subcâmara.

O que você acha do Itaú Unibanco oferecer serviços de tokenização? Conte-nos na seção de comentários abaixo.

Sérgio Gosenko

Sergio é um jornalista de criptomoedas baseado na Venezuela. Ele descreve a entrada na criptosfera no final do jogo quando o aumento de preço ocorreu em dezembro de 2017. Com formação em engenharia da computação, tendo vivido na Venezuela e afetado pelo boom das criptomoedas em nível comunitário, ele oferece uma perspectiva diferente. Sobre o sucesso das criptomoedas e como isso ajuda os desbancarizados e carentes.

Auxílios de imagem: Shutterstock, Pixabe, Wiki Commons, casa.da.photo / Shutterstock.com

Recusa: Este artigo é somente para propósitos de informação. Esta não é uma oferta direta ou uma oferta de compra ou venda ou recomendação ou endosso de quaisquer produtos, serviços ou empresas. Bitcoin.com Não presta assessoria de investimento, fiscal, jurídica ou contabilística. Nem a empresa nem o autor serão responsáveis, direta ou indiretamente, por qualquer dano ou prejuízo causado ou alegadamente causado pelo uso ou dependência de qualquer conteúdo, produtos ou serviços mencionados neste artigo.