Agosto 16, 2022

FVO Site

Encontre as últimas notícias do mundo de todos os cantos do globo no site FVO, sua fonte online para cobertura de notícias internacionais.

Em direção ao futuro? Brasil importa extratos vegetais de Cannabis SSP

Em junho de 2022, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (“ANVISA”) aprovou a possibilidade de importação Cannabis ssp Extrato vegetal (“produto”) com base na Resolução RDC 327/19 (“Decisão”). Esta é uma vitória para os pacientes e para a indústria farmacêutica, além de um ponto de partida para a criação de novas oportunidades de negócios no Brasil. Agora, empresas sediadas no Brasil podem importar o produto como matéria-prima para a fabricação do insumo farmacêutico ativo canabidiol (“CBD”).

A decisão da ANVISA é muito positiva para muitas partes interessadas porque significa:

  • Reduzir ou eliminar os requisitos de importação de CBD, portanto, reduzindo os custos e o tempo gerais de produção;
  • a possibilidade de CBD produzido localmente como ingrediente farmacêutico ativo, reduzindo assim o tempo de fornecimento de produtos à base de CBD e criando muitas novas oportunidades de negócios; E
  • Possibilita amplo e adequado acesso aos produtos à base de CBD para pacientes brasileiros, que atualmente só pode ser obtido por meio de processos demorados, caros e burocráticos, que muitas vezes envolvem a busca de uma decisão judicial favorável para importar e obter tais produtos.

Do ponto de vista jurídico, a decisão da ANVISA também foi bem recebida por tratar de questão regulatória e harmonizar interpretações de seus diferentes sistemas técnicos. Também pode sinalizar uma mudança de paradigma na postura da ANVISA sobre negócios baseados em CBD.

Uma batalha vencida; No entanto, a guerra está longe de terminar. O artigo 77 da Resolução RDC 327/19 exige revisão no prazo de três anos a partir da data de publicação de tal resolução, limitando as abordagens (dezembro de 2022). Espera-se que a ANVISA mantenha sua posição sobre o assunto após tal revisão, apesar das tentativas de intervenção política para se opor ao desenvolvimento da indústria de CBD no Brasil.

READ  Studio Arthur Casas renova apartamento megawatt em prédio moderno do Brasil