Maio 24, 2024

FVO Site

Encontre as últimas notícias do mundo de todos os cantos do globo no site FVO, sua fonte online para cobertura de notícias internacionais.

Desafios e soluções potenciais do financiamento climático no Brasil

Desafios e soluções potenciais do financiamento climático no Brasil

O Brasil precisará de cerca de US$ 200 bilhões (R$ 1 trilhão) em investimentos para cumprir suas metas climáticas para 2030, de acordo com um novo estudo publicado hoje pelo Fórum Econômico Mundial. Isto representa mais 100 mil milhões de dólares em investimento nas alterações climáticas até 2030 do que o país está actualmente no bom caminho para receber.

Encontrando Caminhos, Financiando a Inovação: Enfrentando o Desafio da Transformação Brasileira, publicado em colaboração com Oliver Wyman, fornece aos líderes empresariais e do setor público insights sobre a realidade brasileira das metas climáticas e dos desafios e oportunidades do mercado local. Também mostra como as empresas brasileiras podem influenciar e contribuir para a agenda global neutra em carbono.

“O Brasil e outras economias em desenvolvimento enfrentam desafios climáticos diferentes em comparação com o resto do mundo. Por exemplo, em comparação com as economias desenvolvidas, o setor agrícola do Brasil tem uma parcela relativamente grande de sua pegada climática. Enquanto isso, seus setores de energia e transporte contribuem muito menos, ” ele disse. Kai Keller, Líder, Estratégia Regional e Parcerias, Fórum Econômico Mundial. “Os decisores políticos, os líderes empresariais e os especialistas do setor devem unir-se para ajudar o Brasil a atrair o investimento de que necessita para cumprir com sucesso os seus objetivos climáticos.”

“O Brasil tem uma posição privilegiada para se tornar um centro global de soluções verdes para outros países. Por outro lado, o país tem desafios importantes para reduzir suas emissões e concretizar seu potencial. instrumentos financeiros sustentáveis, mobilização de investimentos privados e acesso a recursos internacionais para as alterações climáticas. O país deve ser estabelecido”, disse ele. Guilherme XavierSócio e Chefe de Clima e Sustentabilidade Latham, Oliver Wyman.

READ  Ensaios clínicos de uma nova vacina contra Covid-19 desenvolvida no Brasil devem começar em breve

O Brasil se comprometeu a reduzir suas emissões de gases de efeito estufa (GEE) em 37% até 2025 e 50% até 2030, com base nos níveis de 2005, com o objetivo final de alcançar a neutralidade de carbono até 2050.

Tendo estes compromissos em mente, o estudo destaca os desafios específicos que o Brasil enfrenta no financiamento das suas metas climáticas para 2030 e sugere possíveis soluções para colmatar estas lacunas de financiamento. As principais soluções sugeridas são:

  • Desenvolver novos instrumentos financeiros e estruturas de financiamento robustas, como obrigações verdes, sociais, sustentáveis ​​e ligadas à sustentabilidade, para facilitar os investimentos climáticos.
  • Fornece aos decisores políticos metas claras, medidas de apoio e aos líderes da indústria o compromisso de avançar com as suas estratégias em matéria de alterações climáticas.
  • Seguindo o exemplo da União Europeia e de países como China, Colômbia e México, adaptando os caminhos de descarbonização às terras do Brasil e mobilizando financiamento privado através da criação de uma taxonomia verde.

O white paper apresenta caminhos de descarbonização mais específicos para diversas indústrias no Brasil e inclui opções de financiamento relevantes. Líderes empresariais, formuladores de políticas e outros podem usá-los para ajudar a alcançar as metas climáticas do Brasil até 2030.