Agosto 16, 2022

FVO Site

Encontre as últimas notícias do mundo de todos os cantos do globo no site FVO, sua fonte online para cobertura de notícias internacionais.

Brasil 2022 protege oferta de diesel

Um porta-voz do Ministério de Minas e Energia (MME) confirmou ao BNamericas que o fornecimento de diesel do Brasil está confirmado para 2022.

De acordo com um porta-voz, o atual estoque de diesel poderá abastecer o país por 46 dias, assumindo, se as importações caírem para zero.

“Ele visa atender integralmente aos requisitos de planejamento de produção e importação, inclusive considerando a necessidade de importação para compensar a eventual paralisação das refinarias planejadas”, acrescentou o porta-voz.

O Brasil importa cerca de 30% do diesel que usa, e os preços mais altos do petróleo contribuíram para a inflação de dois dígitos, juntamente com a depreciação do valor real em relação ao dólar.

A inflação se tornou um grande problema eleitoral para o presidente Jair Bolzano, que está tirando o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva das eleições em outubro. A Petrobras, empresa nacional de petróleo de Bolzano, vem pressionando pela redução dos preços em suas refinarias.

Mas ao aderir a longos intervalos para alterar os preços dos combustíveis, a NOC está afetando a competitividade dos importadores locais, ameaçando o abastecimento de combustível em algumas partes do país.

Em caso de emergência, a Petropras pode aumentar as importações para preencher lacunas de oferta, mas isso também pode afetar seus resultados financeiros e dividendos aos acionistas – que se tornaram alvos de Bolsanaro.

A crise dos preços dos combustíveis levou à demissão de quatro CEOs da Petropras desde que Paulsonaro assumiu o cargo em janeiro de 2019. José Mauro Goyalho deixou o cargo mais recentemente, permanecendo apenas 40 dias no cargo. No início desta semana, o painel reconheceu Caio Mario Paes de Andrade como seu sucessor.

Outra possibilidade para evitar a escassez de diesel é aumentar a mistura de biodiesel, o que os fabricantes locais dizem ser possível.

READ  Brasil venceu a Lituânia na estreia no goalball

Enquanto isso, o Senado analisa uma proposta de emenda constitucional (PEC) com um conjunto de cinco medidas para mitigar os efeitos do aumento dos preços dos combustíveis.

Ao final do período eleitoral, a PEC estabelece um vale mensal de R$ 1.000 (US$ 190) para caminhoneiros por cinco meses. Os caminhoneiros são os principais apoiadores do Bolsanaro.

Outras medidas incluem a inscrição de 1,6 milhão de famílias no Programa de Apoio à Comunidade Axilio Brasil, que aumentará a mensalidade para 200 Arroz e ampliará o programa de auxílio gás de cozinha para famílias de baixa renda.

A PEC estabelece créditos tributários para os estados para apoiar a competitividade do etanol e recursos para garantir transporte público gratuito para idosos.

A PEC tem um artigo que reconhece o estado de emergência para evitar implicações judiciais por lei eleitoral, pois novos programas comunitários só podem ser desenvolvidos durante um ano eleitoral em caso de desastre ou emergência.

A PEC terá um custo de R$ 40 bilhões.

Gabriel Brazil, analista de risco regulatório, disse que a PEC está fortalecendo o foco eleitoral do governo para proteger regras e práticas institucionais que são importantes para a estabilidade financeira do país.

“Trata-se de uma iniciativa claramente míope com medidas que não afetam as causas estruturais dos problemas que busca resolver. Vai gerar uma desconfiança ainda maior nos investidores nos próximos meses”, disse ele à BNamericas.

No longo prazo, a PEC reforça uma persistente fragilidade institucional, “o que explica os temores mais expressivos dos atores internacionais sobre as oportunidades de investimento no país”, acrescentou o Brasil.