Famosos

James Franco se defende de acusações de assédio e diz que irá consertar quaisquer erros

As acusações surgiram no Twitter minutos após ele receber o Globo de Ouro de melhor ator de comédia
James Franco se defende de acusações de assédio e diz que irá consertar quaisquer erros
Ator comentou sobre as acusações no programa “The Late Show” (Foto: Divulgação)

O ator vencedor do Globo de Ouro James Franco disse que acusações de assédio sexual feitas contra ele no Twitter nesta semana “não são precisas”, mas afirmou que irá ”consertar“ caso tenha feito ”algo errado”.

Franco, de 39 anos, foi solicitado a comentar sobre as acusações durante participação na terça-feira no programa “The Late Show”, do apresentador Stephen Colbert.

As acusações surgiram no Twitter minutos após ele receber o Globo de Ouro de melhor ator de comédia, no domingo, por seu papel em “Artista do Desastre”.

Franco também é indicado para um prêmio do Sindicato de Atores pelo mesmo papel, em cerimônia que ocorrerá em 21 de janeiro em Los Angeles.

Três mulheres fizeram comentários no Twitter alegando comportamento sexual inadequado de Franco, que no domingo estava vestindo um broche do movimento “Time’s Up” apoiando vítimas de assédio sexual. Algumas das publicações foram posteriormente apagadas.

Um evento do New York Times nesta semana em que Franco iria falar sobre “Artista do Desastre”, que também dirigiu e produziu”, foi subsequentemente cancelado.

“As coisas que eu ouvi que estavam no Twitter não são precisas, mas eu apoio completamente que pessoas saiam e possam ter uma voz porque elas não tiveram uma voz por muito tempo”, disse Franco a Colbert.

“Então, eu não quero silenciá-las de maneira alguma”, afirmou. “Do jeito que vivo minha vida, não posso viver se houver uma reparação a ser feita, eu farei. Então, se eu fiz algo errado, eu vou consertar isso. Eu tenho que”, disse ele, sem elaborar.

Representantes de Franco não responderam de imediato a pedidos de comentários nesta quarta-feira.